Quem sou eu

Minha foto
Araranguá, Santa Catarina, Brazil
Sou uma pessoa que apesar de meus 90 anos,recém feitos, estou sempre querendo aprender mais e mais. Agora que a tecnologia nos oferece meios cada vez mais eficazes, deixo que minha imaginação sorva tudo o que de bom e possivel para meu aprendizado. Acompanhando tantos blogues lindos arrisquei, com ajuda de meu neto Artur, a compor um no qual exponho minhas telas à óleo. Sou autodidata e pinto desde meus 12 anos. Outro hobby é o cultivo de orquídeas as quais requerem cuidados especiais tomando muito tempo, mas que me dão um prazer indescritivel na época da floração. Dedico ainda algumas horas semanais a um trabalho voluntário na Pastoral da Saúde, onde se ensina o uso de fitoterápicos como medicação alternativa. E assim vou levando a vida, este dom maravilhoso que Deus nos legou, de um modo saudavel, alegre e feliz na companhia de meu sempre amado e dedicado esposo com o qual estou casada há 69 anos e de nossos filhos, netos e bisnetos muito amados.

sábado, 27 de março de 2010

A Cadeira Vazia



A cadeira vazia aguarda o retorno de seu ocupante que partiu para nunca mais voltar.
A brisa que embala a cortina parece anunciar a chegada de alguem.
Tê-lo novamente junto a nós seria sonhar acordado.
Suas histórias permanecem vivas na memória de seus buliçosos netinhos que não o deixavam descansar.
Hoje, todos adultos, recordam com saudades os momentos lindos vividos junto ao seu nonno muito amado.
Pela janela aberta entram sons alegres dos pássaros e o perfume das flores do jardim e, sem pedir licença vão ocupando a cadeira vazia.


Nota
Esta foto me foi ofertada por Eliane, psicóloga e excelente fotógrafa.
Muito obrigada amiga.

Um comentário:

Lilá(s) disse...

Ficam as recordações que nos aconchegam.....
Bjs