Quem sou eu

Minha foto
Araranguá, Santa Catarina, Brazil
Sou uma pessoa que apesar de meus 91 anos,recém feitos, estou sempre querendo aprender mais e mais. Agora que a tecnologia nos oferece meios cada vez mais eficazes, deixo que minha imaginação sorva tudo o que de bom e possivel para meu aprendizado. Acompanhando tantos blogues lindos arrisquei, com ajuda de meu neto Artur, a compor um no qual exponho minhas telas à óleo. Sou autodidata e pinto desde meus 12 anos. Outro hobby é o cultivo de orquídeas as quais requerem cuidados especiais tomando muito tempo, mas que me dão um prazer indescritivel na época da floração. Dedico ainda algumas horas semanais a um trabalho voluntário na Pastoral da Saúde, onde se ensina o uso de fitoterápicos como medicação alternativa. E assim vou levando a vida, este dom maravilhoso que Deus nos legou, de um modo saudavel, alegre e feliz na companhia de meu sempre amado e dedicado esposo com o qual estou casada há 69 anos e de nossos filhos, netos e bisnetos muito amados.

sábado, 14 de fevereiro de 2015

Um recanto de pescadores


                                                     Esta tela é de um recanto do nosso maravilhoso litoral, fruto de inúmeros passeios que fazíamos com nossos 4 filhos quando ainda menores, quase todos os finais de semana.
Passávamos por lugares lindos e vários me marcaram tanto que ficaram gravados em minha mente.
Procurei lembrar o momento da chegada dos barcos, ao cair da tarde, mas nunca é como se assistisse ao vivo o por do sol pois as tonalidades mudam a cada instante. Mas dá para sentir o aconchego e a quietude desta praia.

8 comentários:

✿ chica disse...

Que lindo quadro e as recordações que com ele chegam! Adorei! bjs, tudo de bom,chica

Marieta Mello Koerig disse...

Minha amiga, tu és mesmo incrível,não? Mesmo sabendo que levo tempo para postar alguma coisa, me visitas diariamente, não? portanto o meu agradecimento sincero, amiga.
Sabes que fico muito feliz sabendo que alguém se lembra de mim.
Um afetuoso abraço.

Lilá(s) disse...

Sim, a pintura transmite isso tudo mas, eu também tenho o privilégio de muitas vezes esperar a chegada dos barcos e apreciar o belo por do sol.
Bjs

Zilani Célia disse...

OI MARIETA!
CONSEGUISTE PASSAR SIM, TODA A BELEZA DO PÔR DO SOL, POIS O ARTISTA, GRAVA A IMAGEM NO CORAÇÃO E FOI AÍ QUE AS BUSCASTE, POIS ALÉM DE SEREM LINDAS, TE TRAZEM LEMBRANÇAS FELIZES.
PARABÉNS QUERIDA AMIGA.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Carmem Grinheiro disse...

Marieta,
« dá para sentir o aconchego e a quietude desta praia» e dá para sentir sua sensibilidade a passar sua paixão por esse lugar à tela que pinta.

Beijinho amigo e tenha um bom fim de semana

Anônimo disse...

Querida Marieta, a tela é linda e seu texto vai além, pois sua sensibilidade ao descrever o lugar é emocionante. Parabéns! Adoro vir aqui. Tudo é muito bonito e aconchegante. Beijos da amiga que a estima muito, Valéria Soares Dantas Lopes.

Carmem Grinheiro disse...

Olá, Marieta.
Gostei de receber sua visita, mas não necessita de se justificar, porque sei bem que, por vezes, a vida dá voltas complicadas.
Fico feliz por o marido estar melhor.
Mal possa, continue sua pintura maravilhosa.
Eu também gosto muito de pintar, embora não o faça tanto como gostaria, por isso sei o quanto faz bem à gente.

beijo grande

Existe Sempre Um Lugar disse...

Boa tarde, parabéns pela criação da linda tela, tem traços e cor maravilhosa, revela com naturalidade a chegada dos barcos.
AG