Quem sou eu

Minha foto
Araranguá, Santa Catarina, Brazil
Sou uma pessoa que apesar de meus 90 anos,recém feitos, estou sempre querendo aprender mais e mais. Agora que a tecnologia nos oferece meios cada vez mais eficazes, deixo que minha imaginação sorva tudo o que de bom e possivel para meu aprendizado. Acompanhando tantos blogues lindos arrisquei, com ajuda de meu neto Artur, a compor um no qual exponho minhas telas à óleo. Sou autodidata e pinto desde meus 12 anos. Outro hobby é o cultivo de orquídeas as quais requerem cuidados especiais tomando muito tempo, mas que me dão um prazer indescritivel na época da floração. Dedico ainda algumas horas semanais a um trabalho voluntário na Pastoral da Saúde, onde se ensina o uso de fitoterápicos como medicação alternativa. E assim vou levando a vida, este dom maravilhoso que Deus nos legou, de um modo saudavel, alegre e feliz na companhia de meu sempre amado e dedicado esposo com o qual estou casada há 69 anos e de nossos filhos, netos e bisnetos muito amados.

terça-feira, 24 de maio de 2011

Indiazinha peruana



Minha filha quando esteve em Machu Picchu, chamou-lhe atenção esta garotinha vestida com trajes coloridos, e registrou a pose em sua câmera.
Era uma foto pequeninha, mas como também gostei muito, ampliei-a e passei para esta tela que presenteei à minha filha.

4 comentários:

Lilá(s) disse...

Um artista sempre consegue dar expressão! que maravilha! um ar tão doce!
Bjs

Marieta disse...

Olá Lila,
mais um vez obrigada pelo incentivo amiga.
Sinto muita dificuldade em pintar estas telas, pois não sou boa em anatomia não, embora venha tentando pintar as netas e bisnetas. rsrsrs
E teus posts continuam cada vez mais lindos.Gosto muito de lê-los, são de uma suavidade incrível.A gatinha então, é dona do ambiente.
Um amor de bichano.
Um abraço

Glória Maria - Fadinha disse...

Perfeita Marieta. Que carinha mais linda que a menina tem, merecia ser pintada mesmo. Bj

Valéria disse...

Marieta, estou maravilhada. Que linda essa tela!!

Putz! Vou vir todos os dias aqui. Olhar um pouco cada uma.

Beijo, Valéria S. D. Lopes